JOÃO PESSOA


Foto: Cacio Murilo/PBTUR

Conhecer João Pessoa, capital da Paraíba, em qualquer época do ano é certamente um encontro com o sol, a alegria e a beleza do terceiro centro urbano mais antigo do Brasil, que completará 431 anos de fundação no dia 5 de agosto de 2016. É também a comunhão com o ar bucólico e a tranquilidade de uma das cidades mais verdes do mundo. João Pessoa nasceu há muito tempo, mas vem preservando, como poucas cidades, o seu patrimônio histórico, considerado, por especialistas no assunto, um dos mais ricos do país. Na parte velha, também conhecida como cidade baixa, há uma grande quantidade de monumentos, prédios e igrejas que recontam a história de uma Paraíba guerreira.

Dentre muitos monumentos barrocos, um merece destaque pelo incalculável valor artístico e importância histórica, testemunho de um passado glorioso. Trata-se do Conjunto Franciscano, formado pela igreja de São Francisco e Convento de Santo Antônio, que começou a ser construído em 1589, quatro anos depois da fundação da cidade. Atualmente o conjunto funciona como Centro Cultural e abriga exposições de todos os tipos.

João Pessoa soube preservar seu patrimônio e ainda manter viva e intocável a riqueza natural, sem dúvida o principal atrativo da capital paraibana. A cidade conta ainda com uma reserva florestal; a Mata do Buraquinho (Jardim Botânico), a Mata do Amém e o Parque Arruda Câmara, mas conhecido como Bica, que abriga o jardim zoológico.

Se não bastasse o verde que confere à população uma excelente qualidade de vida, João Pessoa possui praias belíssimas e limpas o ano inteiro. São aproximadamente 30 quilômetros de um mar despoluído com águas claras e tépidas constantemente, e uma orla com vastos coqueirais e imensas falésias.

Fonte: PBTur